Polícia Federal determina afastamento de alguns servidores do INSS em Pernambuco

A Polícia Federal deflagrou, nesta segunda-feira (1), em Pernambuco, a operação Garoa. Com o objetivo de combater crimes de fraude contra a Previdência Social, a 36ª Vara Federal no Recife determinou o afastamento de cinco servidores do INSS de duas agências. Oito mandados de busca e apreensão foram emitidos.

A decisão da Justiça Federal também impediu os servidores de exercer função pública e de sair do país, além de ter bloqueado as contas bancárias e os bens dos investigados. O grupo utilizava o cadastro para obter o benefício em contas bancárias falsas.
A estimativa é que o prejuízo futuro seja superior a R$ 12 milhões.

Fonte: Wildes de Brito

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *