Morador de Pesqueira, que nunca foi a uma escola, conseguiu lançar seu segundo Livro

“Ele já foi “Ladrão”, “Padre”, “Coronel”, “Fazendeiro” e muito mais …” Segundo escreveu, em crônica, o saudoso teatrólogo Nelson Valença ao falar sobre este nosso “Autor”  que também foi um excelente “Ator de Teatro” e que interpretou todos estes personagens citados em variadas Peças, no famoso Palco da Rádio Difusora de Pesqueira-PE. 

Após perder o pai (em 1940) este jovem aos 15 anos deixou a roça (onde morava com a família) em Buíque-PE e veio para Pesqueira tentar a vida no novo mundo da Industrialização de doces (iniciada aqui em Pesqueira pela Fábrica Peixe). Era o ano de 1942 quando ele chegou para trabalhar no seu primeiro emprego registrado na grandiosa indústria. Empresa que segundo Minervino Osório ofereceu-lhe um trabalho árduo e muito difícil, serviços pesado mesmo que ele teve que enfrentar (devido a sua falta de estudo). Porém, por ser ele um rapaz dedicado e muito interessado em aprender, ele conseguiu crescer na empresa (apesar de ter sido até sorteado uma vez, ou seja, demitido). Isto mesmo, na entrevista ele explica como tudo aconteceu e conta que trabalhou na fábrica por 35 anos e, inclusive, ela foi quem o motivou a escrever o seu primeiro Livro.

Esta entrevista, na verdade, foi uma gostosa conversa informal muito rica em informações sobre a vida dele (na Peixe) e, outras particulares da sua trajetória em nossa Cidade. Pois, o nosso amigo Minervino não só falou sobre os seus dois livros (que de início seria o nosso principal assunto da entrevista), mas fez um apanhado geral de inúmeras histórias e curiosidades da sua vida aqui em Pesqueira desde sua chegada até os dias de hoje. Para Minervino os seus 91 anos foram sempre dedicados à família e a cultura de nossa gente.

Quem conhece Minervino sabe que ele além de ser Autor, Compositor, Artista de Teatro é, acima de tudo, uma destas pessoas que dá prazer de se conversar, afinal é um homem simples de fácil amizade e muito divertido. Portanto, vale apena conhecer um pouco da História deste homem que além de tudo isso é o Criador do maior Casamento de Matuto (montado a cavalo) do Brasil. O casamento é tão grandioso que já escutamos a boca miúda que já se cogita tentar colocar o evento no Guinness Book, assim como é o Galo da Madrugada e a Feira de Caruaru , que são dois grandes patrimônios Histórico e Cultural do nosso Estado Pernambuco.

Por tudo isso e muito mais eu convido você a conhecer nestes vídeos, o Sr. Minervino Osório um ser humano maravilhoso que é um dos Artistas mais queridos de nossa Cidade. Minervino Osório é um Cidadão Pesqueirense simples, Católico Romano praticante, bem casado e pai de dez filhos (todos eles pessoas do bem como ele).

Assista a este nosso bate-papo com Minervino que nos revelou até que chegou a perder uma Festa da Padroeira Santa Águeda escondido (o tempo todo) em um beco próximo da Praça (onde aconteciam as Festividades) só a observar três moças chamadas Tereza (passarem pra lá e pra cá), sem que ele pudesse se apresentar para nem uma delas em público e passou a festa toda só na tocai da “Passarela” daquelas três donzelas! Assista a entrevista e entenderá, também, o porquê deste ocorrido com esta figura (Sr. Minervino) que é muito admirado por todos os seus familiares amigos e conterrâneos. E saiba como adquirir o seu segundo livro (que tem tudo haver com a nossa Terrinha do Doce e da Renda) e que já está se acabando o estoque.

Fonte: Pesqueira Fuxico

Fonte: Pesqueira Fuxico



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *